Reguffe assume, durante Convenção do Novo, que Paulo Roque é seu pré-candidato ao Senado.

 “Vamos fazer uma campanha juntos para o bem do DF. Você é um orgulho não só do Novo, mas de todo o DF”, diz Reguffe sobre Paulo Roque

Paulo Roque será o candidato ao Senado Federal. A decisão foi tomada ontem à noite pela Convenção do partido Novo no Distrito Federal. Os convencionais decidiram, ainda, que o partido poderá se coligar com o candidato José Antônio Reguffe do União Brasil bem como com os partidos: Podemos, PSDB e cidadania e PSC.

A Convenção do Novo tem até o dia 05 de agosto para divulgar a ata definitiva que ainda depende das últimas conversações entre os partidos da eventual coligação. 

A verdade é que Paulo Roque mostrou, mais uma vez, sua força e influência no meio político ao ser apoiado por Reguffe, que verbalizou a aliança “Quero deixar meu abraço para meu pré-candidato ao Senado. Estou muito honrado de estar aqui e de viver, com vocês, esse importante momento para a história do nosso Distrito Federal. Vamos construir juntos, uma nova historia para nossa cidade”, disse o Senador. (assista ao vídeo)


O advogado jornalista e professor reuniu, na noite de ontem, mais de 100 pessoas em auditório lotado de apoiadores e líderes dos partidos da coligação e comprovou que a disputa ao Senado por Brasília promete ser umas das mais acirradas do país.


Funcionalismo Público

Em seu discurso, Paulo Roque surpreendeu ao fazer uma defesa veemente do funcionalismo público. Segundo ele, precisamos tanto da eficiência como do profissionalismo do servidor público para o Brasil fazer as grandes transformações, sobretudo na educação, saúde e segurança. “O servidor é importantíssimo, pois representa o Estado eficiente. O que combatemos é essa invasão de políticos dentro da política pra satisfazer apenas o interesse dele enquanto o interesse da população fica descoberto”, afirma Paulo Roque


Gestão na Saúde

Segundo Paulo Roque o problema da saúde no Distrito Federal é gritante. É um dos principais assuntos a ser tratado e resolvido. “As pessoas dormem nas filas, á espera de uma senha para marcar um consulta e nem sabem se serão atendidas. Isso é uma falta de respeito! A situação da saúde no DF merece atenção de todos seus representantes e eu não estarei desconectado desse grande problema”, enfatizou ele.


Empreendedorismo

Um dos objetivos de Paulo Roque é transformar o DF no “Vale do Silício do empreendedorismo”. Segundo ele, o Distrito Federal precisa deixar de ser a unidade da Federação voltada para concursos públicos e se tornar geradora de emprego e renda. “Hoje, de cada dez vagas ocupadas com oportunidade de trabalho, oito são do setor privado e apenas duas do setor público”, afirma ele complementando que é preciso investir em startups e no jovem empreendedor.

Paulo Roque teve 202.834 votos na eleição passada, e pretende avançar nos resultados em 2022 para conquistar uma cadeira no Senado Federal. “Devo muito à Brasília e todo o Distrito Federal, que me acolheu desde 1988 quando cheguei à Rodoferroviária atrás de oportunidades. Agradeço pelas oportunidades que tive e pela confiança de todos que acreditaram em mim” disse o pré-candidato.